Miosótis

          As flores Miosótis também são conhecidas como “não se esqueça de mim” ou ”não me esqueças” em várias línguas — non-ti-scordar-di-me, na Itália, forget-me-not na língua inglesa, etc. São várias as formas de se explicar o seu nome, são diversas as lendas e histórias que passaram de pai para filho. Eis uma das lendas que contam sobre esta flor:






















"Numa linda tarde primaveril, dois jovens noivos passeavam felizes pelas margens do Rio da Carpa Dourada quando de repente apareceu flutuando sobre as águas impetuosas do rio, um lindo ramo de miosótis. Então, a noiva que nunca tinha visto aquelas flores, pediu ao noivo que as apanhasse. Ele se atirou nas águas do rio e apanhou as flores, mas ao voltar para as margens, a forte correnteza arrastou-o consigo e desaparecendo em um instante, levado pelas águas. E conta a lenda que antes da morte o noivo gritou: "Não me esqueças, ama-me para sempre!". Desde então, o miosótis floresceu nas margens dos rios, para que ninguém morresse por sua causa, e foi chamado a flor do “não-me-esqueças”.
Sem contar, que essas flores são atribuidas ao dia 25 de maio - Dia Internacional das Crianças Desaparecidas."Para cada semente de miosotis germinada, uma criança será localizada."
(Não - Te - Esqueças - de - Mim)


0 comentários:

Postar um comentário

Followers

Tecnologia do Blogger.